30 de Junho de 2004

Profissão de futuro: Apertador de Mãos.
Reparem. Há pelo menos um em cada cerimónia oficial; vejam na televisão. Notem bem: os políticos (e outras figuras de destaque) quando vêm de carro, mal lhes abrem a porta, saem logo de braço estendido para apertar a mão a alguém. Quando o anfitrião não pode lá estar, entra em cena o Apertador de Mãos. É concerteza um trabalho gratificante e bem pago, muito embora as actividades sejam de curta duração.

30 de Junho de 2004

  • Ricardo Figueira

    O apertador de mãos teria de dominar todos os tipos de apertos de mão existentes, uma vez que desempenha um papel de relações públicas e portanto não pode correr o risco de não corresponder correctamente ao cumprimento de quem está a sair do carro! Assim, tal personagem, teria de dominar o aperto de mão em que simplesmente se deposita um pedaço de carne inerte na mão da outra pessoa, ou aquele em que a mão é esmigalhada na tentativa frustrada de superar um qualquer complexo de inferioridade. Será que os apertos de mão revelam quem somos?

  • Que excelente ideia!!!