14 de Outubro de 2003

as pessoas inteligentes e cultas não têm, necessariamente, os parafusos todos apertados
Talvez seja a frase mais inteligente que ouvi nos últimos tempos, dita por uma pessoa que tem muita razão em quase tudo o que escreve e escreve, como se toda a razão estivesse nela.
É triste ver como se desperdiçam tempo e recursos na inutilidade. Faz-me pena ver a quanta importância que se dá à incompetência e à ignorância. Mete dó ver que, neste país, tanto talento é desperdiçado.
É que há pessoas maravilhosas. Pessoas com dons inimagináveis, qualidades quase sobre-humanas, mas que sózinhas não viverão. É que remar contra a maré é uma coisa, agora se lá dentro ainda vêm tubarões esfomiados que destroem tudo, então é impossível. E muitas vezes estas pessoas fecham-se e não revelam cá para fora a beleza que têm dentro de si. E somos nós que ficamos a perder, acreditem…

14 de Outubro de 2003

  • Ricardo Ramalho

    Tá giro sim senhor… Inspiração.
    Gostei! E saiu-te bem! 😉

  • Obrigado!

  • Ha! Fico contente em saber que há pessoas que confiam no meu gosto!

  • Triste, triste, é saber que não é só em portugal que essa gente de talento fica debaixo do buraco. É um mal mundial.

  • Sim… tenho que concordar que é um mal mundial. Mas há sítios piores que outros. Muito piores.