30 de Dezembro de 2003

Se eu fosse o Ediberto já estava em contactos com o Conselho Superior da Magistratura e com a TVCabo no sentido de se criar um canal exclusivo para a transmissão dos julgamentos da Casa Pia. Já estou a ver, das 9h00 às 18h00 live coverage, das 18h00 às 22h00, entrevistas com os principais protagonistas, pela noite dentro, repetições dos melhores momentos.
Depois seria toda a parafernália de merchandising que teria de mandar fazer, tanto para os de um dos lados, como para os dos outros: “Car-los, Cruz!” ou “Herman Bic”, ou talvez “Viva o médico Ferreira Diniz, que tem um belo nariz”. Seriam as votações via SMS, para se votar no que seria condenado mais rapidamente, no com a maior pena, no mais bem penteado. O grande prémio seria poder assistir à leitura da sentença no próprio tribunal, sentado ao lado do juiz. Mas isto são só ideias… e eu não sou o Ediberto.

30 de Dezembro de 2003

  • Sara L.

    O problema é que vivemos num país cujas pessoas aderiram ao culto dos reallity shows em massa. É esse o tipo de mentalidade que temos. É-nos imposta, fomentada e aproveitada pelos meios de comunicação social (e não só). O que importa são grandes escândalos (verdadeiros ou não) com vista a grandes audiências e não a cultura ou educação de um povo.

  • Resta-nos tentar lutar contra a maré…
    E viva a 100ideias! – http://www.100ideias.org
    Pessoas que têm essa consciência fazem falta!

  • Tiago Teles

    Para que queres a TVI? Não há mercado em Portugal para dois canais iguais.