20 de Abril de 2008

evernote.png
Ainda não consegui experimentar o Evernote, mas pela descrição e pelo vídeo de demonstração (ver abaixo), o Evernote será talvez o programa de computador mais revolucionário no que diz respeito à integração das nossas vidas correntes com o suporte digital. Os dois slogans dizem tudo: “your external brain” e “remember everything”.

Os três pontos essenciais, a meu ver, são: o rápido reconhecimento de texto (impresso ou escrito) dentro de imagens, o software de visualização das notas e a ubiquidade.
A digitalização de notas e apontamentos será um processo muito mais rápido e intuitivo, especialmente graças à disponibilidade praticamente total de câmaras fotográficas, nos telemóveis. A procura da informação armazenada parece-me extremamente intuitiva e com os resultados disponibilizados de forma altamente intuitiva. E com a sincronização, essa informação passa a estar disponível virtualmente em qualquer lado.
Só falta o Google integrar algo deste género para de seguida saltar a questão: e agora, que vai acontecer com toda a informação pesquisável?
PS: ao botas – sim, sou bem capaz de vir uns dias atrasado neste, também!

20 de Abril de 2008

  • Claro que sim… tens mail para o enviar?
    Cumps
    JPCarvalhinho