24 de Novembro de 2008

Eu não digo só o curso de relojoaria, eu digo os outros cursos todos, mas especialmente o de relojoaria é um dos que precisa de uma carga horária mais alargada… É um curso reconhecido no exterior: este ano foram alunos para a Suíça. O feedback que eu tenho é do género: “Temos três alunos seus, todos os que tiver aí mande”. Agora, com 1600 horas nem aprendizes de relojoaria são… É esta a minha mágoa. É por isso que eu saio da Casa Pia. Eu não me importava nada de ficar mais cinco anos, porque eu gosto daquilo que faço. Eu já tinha pensado ficar até aos 65 anos porque tinha tempo para formar uma equipa para dar continuidade com qualidade, era isso que eu queria fazer nos próximos cinco anos, agora assim não vale a pena. Eu não posso aceitar ser comparsa do contrário daquilo que andei a defender durante 40 anos.
in Correio da Manhã

24 de Novembro de 2008