7 de Fevereiro de 2009

Quando for Presidente da República, vou proibir que o nosso glorioso hino seja tocado por bandas filarmónicas (excepto em tempo de guerra). A partir dessa data só com orquestras sinfónicas. Ah, o vigor e a imponência do eruditismo sinfónico! Deixai correr os arcos dos violinos escudados na cadência rústica da tarola! Só assim se sentem os valores patrióticos! Só assim se honra o nosso glorioso passado, ao mesmo tempo que se dá um tom messiânico-hollywoodesco ao futuro que virá!
Deliciai-vos (carregando nos auscultadores):
A Portuguesa

7 de Fevereiro de 2009